curva-abc-gestao-de-estoque1-1

A importância da curva ABC na gestão do estoque

Um dos maiores desafios das pequenas e médias empresas é gestão de estoque. Com uma boa administração dos produtos armazenados, é possível reduzir custos desnecessários e até mesmo melhorar a qualidade e distribuição dos itens. Classificar as mercadorias de acordo com sua importância para a empresa é uma tarefa essencial para evitar a perda de itens prioritários ou a necessidade de se livrar deles de forma apressada. Atualmente, existem sistemas informatizados que contribuem para a melhoria desse processo, dispensando as planilhas e aumentando a produtividade.

Uma delas é a curva ABC, que teve origem em uma teoria do economista italiano Vilfredo Pareto, que identificou que 80% das conseqüências se originam a partir de 20% das causas. A teoria passou a ser aplicada também na administração para classificar perfis de clientes, produtos e outros dados, contribuindo de forma crucial para algumas atividades essenciais das empresas.

O significado do “ABC”

As letras ABC servem para classificar cada grupo de item estocado, levando em conta a quantidade armazenada e seu respectivo valor (custo):
A: são os itens de alta prioridade. Corresponde a 80% do valor do estoque distribuídos em 20% dos itens;
B: são os itens intermediários. Representa 15% do valor disseminados em 30% dos itens;
C: são os itens de baixa prioridade. Condiz a 5% do valor partilhado em 50% das mercadorias.
Vantagens de utilizar a metodologia para o gerenciamento do estoque

Ao utilizar a curva ABC para a gestão do estoque, sua empresa será capaz de identificar os itens mais importantes armazenados e saber como traçar estratégias para melhorar seu fluxo de entrada e saída. Dessa forma, os recursos investidos no estoque podem ser otimizados, evitando desperdícios de recursos financeiros e materiais, contribuindo para que sua empresa aumente a lucratividade.
Sistemas informatizados como facilitador

Se após essa explicação ainda assim ficar complicado, o ideal é que você contrate os serviços de um software especializado. Com isso, todo o seu trabalho se resumirá em cadastrar os dados produto e valor. Toda a complicação do cálculo ficará por conta da tecnologia. Para mais dicas e informações sobre boas práticas de gerenciamento do estoque de sua empresa, continue acompanhando o nosso blog!

Add a Comment

You must be logged in to post a comment